Ouça a Independente AM ao vivo!
 
 

 

16/02/2012 - Desespero??? XV Jaú demite técnico logo depois da estréia com derrota

Foi rápida a passagem do técnico Nem pelo XV de Jaú. Na mesma noite em que estreou no comando do clube jauense o treinador foi demitido. Em campo, o Galo perdeu por 3 a 1 para o Flamengo de Guarulhos, pela sexta rodada da A-3, resultado que o jogou para o penúltimo lugar na classificação.

Após a partida, o presidente do XV, José Construtor, convocou o técnico Nem para uma reunião na sala do gerente Wagninho Rivera e demitiu o treinador e o auxiliar dele apresentados na segunda-feira. O substituto chega ao Jauzão hoje, por volta das 12h. Trata-se de um treinador admirado pelo presidente e que já foi sondado em outras ocasiões.

Em relação à parceria anunciada segunda-feira, a informação é que ela foi desfeita. Os dois jogadores que chegaram terça-feira ao clube (lateral Rogério Souza e zagueiro Edvam) serão inscritos hoje na FPF, mas os outros dois anunciados como reforços pela ex-parceira do Galo podem não vir mais.

O XV jogou com: Walter, Jean, Rafael Fusca, Finazzi, Kélis; Eduardo, Du Lopes, Luis Fernando, Vinicius, Artur e Lourival Rambo. Da comissão técnica aparecem na foto Renato Augusto, João Luis Tegon e Felipe Campanhã.


Finazzi deixa sua marca, mas XV perde no Jauzão

O atacante Finazzi estreou no XV de Jaú e deixou sua marca aos 36 minutos de jogos, quando marcou de pênalti o único gol jauense na derrota por 3 a 1 para o Flamengo de Guarulhos. O jogo foi realizado no Jauzão, diante de cerca de 600 pagantes, válido pela sexta rodada da Série A-3. O XV cai para a 19a posição, com três pontos. O Flamengo subiu para nove e encosta na zona de classificação.

No jogo em Jaú, o time da região metropolitana abriu 2 a 0 no placar. A tentativa de reação do XV veio ainda na primeira etapa, quando Finazzi disputou bola na área e ganhou um pênalti - o zagueiro flamenguista colocou a mão na bola. Lourival Rambo pegou a bola para cobrar, mas a torcida pediu Finazzi. Ele, então, fez gesto para o também estreante técnico Nem, pedindo permissão para cobrar. Permissão concedida e gol marcado, com Finazzi deslocando o goleiro rival.

Na segunda etapa, Nem trocou Artur por Fabinho, mas logo o XV sofreu o terceiro gol. Depois, o treinador colocou em campo ainda o atacante Júlio César (saiu Lourival) e o volante Marinho (saiu Rafael Fusca, que estava na lateral esquerda). O placar foi mesmo 3 a 1 para o Flamengo.

No sábado, o XV de jogará em Itapira, contra o Itapirense. Para esse jogo o técnico terá Rodriguinho, Julinho e William Baiano de volta, mas não terá o zagueiro Du Lopes, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O volante Ricardo Lopes, ainda machucado, não joga. Também é possível que alguns jogadores que atuaram hoje não sejam relacionados.

Também já poderão ser utilizados dois jogadores que chegaram na terça-feira: Rogério Souza e Edvam, cuja documentação já foi providenciada na FPF. Mais dois atletas devem chegar ao clube nesta quinta-feira: Éves e Edilson, mas a inscrição de ambos na federação dificilmente vai ocorrer até sexta-feira.

LISTA DE DISPENSAS / No fim da partida de hoje, o presidente do XV, José Construtor, convocou uma reunião às pressas com o técnico Nem e com o gerente de futebol Wagninho. Em pauta as definições a serem tomadas, o que inclui a dispensa de jogadores. O próprio treinador deixou isso claro no fim da partida, quando admitiu que terá de enxugar o grupo atual para trazer os reforços que o clube precisa.

Uma lista de dispensa de jogadores já tinha sido elaborada nos últimos dias do técnico Toninho Cobra no Galo, mas com a demissão do treinador anterior, o novo técnico pediu um tempo para avaliar melhor os atletas. No jogo de hoje, certamente, ele viu com quem pode contar na sequencia do campeonato.



Busca de notícias      










Todos direitos reservados 2022 - Desenvolvido pela Williarts Internet