Ouça a Independente AM ao vivo!
 
 

 

02/01/2010 - Futebol e Soberba não combinam!!!

Fonte: Cronica de Manoel Sanches Gonzales (Manolinho, foto), pag. Caminhos do Esporte do Jornal O Diário de Barretos, edição 02/01/10.

Como é dinâmico o futebol, essa paixão nacional prega peças sempre, e por aqui não é diferente. No varzeano todo mundo achava (inclusive eu) que o timaço da ADPM seria o campeão de 2009, ainda mais depois de ter ganho o 1º jogo.
Mas o "quase" impossível aconteceu. A equipe de Os Periquitos ganhou o 2º jogo e a decisão foi aos pênaltis, e numa manhã inspirada do goleiro Flavinho conquistou seu 12º título varzeano, se igualando a "minha saudosa Portuguesa".
O futebol provou mais uma vez que não se ganha véspera. A "marvada" da bola é ingrata, e jogo como já diz a palavra é um jogo, e num jogo tudo pode acontecer e aconteceu. Com uma campanha a beira da perfeição, com uma estrutura muito boa, com um elenco quase que uniforme, com um técnico de ponta e vencedor, com uma diretoria atuante e com um patrocinador (dizem que foi o único que não viajou na maionese) forte, esperto e inteligente; o time da ADPM não conquistou o tricampeonato, porque abusou da autoconfianças, tanto sua diretoria, torcedores, jogadores e o seu técnico, achavam que já estava ganho o tri e no futebol é dentro das 4 linhas que tudo se define, ainda mais quando o adversário é uma equipe de pedigree, tradição e acostumada a decisões.
Futebol e Soberba não combinam. A palavra Soberba é a junção de arrogância, presunção e falta de respeito. E não se pode ter tudo isso, quando se tem pela frente uma equipe como a de "Os Periquitos". Afinal, o Verdão da 43 tem uma tradição enorme, tem o sr. Ernesto no comando desde o seu primeiro dia na várzea (1973), tem no seu currículo um vasto histórico em decisões, muitos títulos conquistados, tem em seu comando um técnico experiente e vencedor e soube se manter confiante e otimista quanto a possibilidade de conquistar seu 12º título. Os torcedores da ADPM se intitulavam como sendo o "Chelsea" barretense, e realmente se portou como tal clube inglês, um time rico e cheio de estrelas, mas que nunca ganhou nada mais importante no cenário mundial. Deveriam ter se inspirado no Real Madri, Milan ou Liverpool.
Mesmo contra as Ferraris e Chelseas que aparecem de vez em quando na sua frente, a S.E. Periquitos chega com muita humildade ao lado do time em que temos um profundo respeito: Portuguesa - a tamancuda barretense.
Mesmo respeito que nutrimos por todos nossos adversários que enfrentamos ao longo desses 37 campeonatos varzeanos disputados desde 1973...
O campeão voltou.... o campeão voltou...
Parabéns, Os Periquitos - Campeão Varzeano 2009.


Busca de notícias      










Todos direitos reservados 2022 - Desenvolvido pela Williarts Internet