Ouça a Independente AM ao vivo!
 
 

 
Motoristas F.C.

O Motoristas FC foi fundado em 1 de fevereiro de 1926 e chegou a disputar campeonato profissional. O fato aconteceu em 1950, na Segunda Divisão Paulista, com 20 jogos disputados. Formava o time com Nelson Correa, Zé Negrinho e Velhinho; Aissa, Dino e Nardo Ferrari; Alcidão, Carlinhos, Alcides, Ratinho e Zezé. Dino, já em final de carreira, acumulou no Motoristas, também a função de técnico. Ex-jogador do Corinthians, onde formou com Jango e Brandão, a famosa intermediária dos anos 40, defendeu o Brasil na Copa de 38. Ao longo de sua existência, o Motoristas disputou campeonatos amadores regionais. Em 1961, porém, pediu afastamento na Federação Paulista de Futebol, em função do alto custo das despesas para mantê-lo nos campeonatos amadores regionais. Mesmo assim, o futebol não parou no Alto da 21, onde era localizado o seu estádio. Ao mesmo tempo que solicitou o afastamento na FPF, esportistas ligados ao clube fundaram o São Cristóvão FC, que ingressou no futebol varzeano. A fundação ocorreu no Bar do Porto, na rua 4, esquina da avenida 29, onde reuniam-se os simpatizantes do clube. Victório Paulucci, José Natal Ferreira, "Zé Galinha", Aldo Ferrari e José Rodrigues Porto, foram os idealizadores. Logo no primeiro ano de disputa(1962) o título de Campeão Varzeano foi conquistado, levando também o Torneio Irmãos Gori, por várias vezes(62, 63, 65, 66 e 68), ficando com o troféu definitivo, além do tricampeonato do Hexagonal Rádio Independente(70, 71 e 72). No varzeano sagrou-se também em 67, 69, 71 e 72. O São Cristóvão disputou o varzeano no período de 1962 a 83 e retornou em 87, quando foi extinto. Seu estádio dá lugar hoje ao CT Soares de Oliveira, cedido em comodato para a instituição educacional.










Todos direitos reservados 2017 - Desenvolvido pela Williarts Internet