Ouça a Independente AM ao vivo!
 
 

 

14/11/2013 - Milton Neves

E o Campeonato Brasileiro acabou.

Chato, sem graça e sem emoção.

A falta de carisma é tamanha que o campeão Cruzeiro não precisou nem terminar sua partida para levantar a taça.

Como defender um torneio que tem seu vencedor decretado durante um intervalo de partida?

Futebol mesmo é mata-mata.

Igual a Copa Libertadores.

E o Atlético Mineiro!

O título do Galo teve maior importância por um simples motivo:

Houve a emoção de uma decisão.

Nada contra a Raposa, que mereceu a conquista.

Mas é inegável que tal título não teve a vibração tão característica do futebol.

Uma pena.


Busca de notícias      










Todos direitos reservados 2017 - Desenvolvido pela Williarts Internet