Ouça a Independente AM ao vivo!
 
 

 

12/01/2012 - XV Jaú perde amistoso, mas apresenta evolução na opinião de Toninho Cobra

Foto: Celso Pollini.



O XV de Jaú fez o que se esperava no segundo amistoso da pré-temporada, realizado na tarde de ontem, em Pederneiras: jogou melhor do que na partida anterior, realizada em Dourado, diante do São Carlos. O placar, no entanto, não foi favorável, uma vez que o Noroeste venceu o confronto por 2 a 1. No sábado, contra os são-carlenses, o jogo terminou sem gols.

O Galo tem ainda mais dois amistosos agendados até a estreia do time na Série A-3 do Paulista: no sábado (14), às 10h, enfrenta o Santacruzense no Estádio Zezinho Magalhães. No dia 18, no mesmo local, às 15h30, jogará contra o União São João. Todos os adversários do Galo nessa fase são integrantes da Série A-2. O XV vai fazer sua primeira partida na A-3 no dia 29, em Barretos.

O técnico do XV, Toninho Cobra, analisou o desempenho dos jogadores e considerou que houve evolução em relação ao jogo passado. "O time já evoluiu do jogo de sábado contra o São Carlos", comentou, em entrevista ao radialista Rogério Barricheli, que acompanhou a delegação até Pederneiras. "Foi visível", falou, sobre a melhora, citando a pegada forte de todos.

"Todos foram bem e aos poucos vamos achar a formação ideal. Para o jogo contra a Santacruzense deve mudar alguma coisa", explicou Cobra, lembrando que ficaram em Jaú hoje os últimos reforços, como Anderson (goleiro), Lourival (atacante) e Ceará (lateral). "Os 22 que vieram para cá gostei muito e ainda ficaram algumas peças em Jaú".

O centroavante Lourival "Rambo", por exemplo, chegou para ser o homem do ataque do Galo. No amistoso de hoje, o técnico escalou na primeira etapa uma dupla com Fabinho e Júlio César no ataque. Depois, jogaram Rodriguinho e Asprilla. E foi Asprilla que sofreu o pênalti na segunda etapa, originando o gol jauense marcado pelo lateral Ricardo Lopes. O placar estava 1 a 0 no momento. O gol da vitória da vitória noroestina saiu a 44 minutos do segundo tempo.

Formação - O XV iniciou a partida com uma formação bem diferente daquela da semana passada. Toninho Cobra não deixou claro o que é time titular e o que é time reserva, como estava explícito contra o São Carlos. Agora, o treinador mesclou o elenco e mandou a campo no início Walter; Jean, Du Lopes, Bruno e William Mineiro; Eduardo, Marinho, Rafael Fusca, William Baiano; Fabinho e Júlio César. Na segunda etapa jogaram Walter; Ricardo Lopes, Tiago, Kélis e João Paulo; Luís Fernando, Bruno Ignácio, Leandro e Vinicius; Rodriguinho e Asprilla.





Busca de notícias      










Todos direitos reservados 2019 - Desenvolvido pela Williarts Internet