Ouça a Independente AM ao vivo!
 
 

 

18/02/2009 - Ufa !!! Enfim o Palmeiras perdeu uma nesta temporada

Para acabar com a ciumeira de Corintianos, Sãopaulinos e Santistas, até que enfim o Palmeiras perdeu um jogo nesta temporada.

Diante do campeão da América, o Palmeiras viu seu retrospecto perfeito acabar na décima partida de 2009. Nesta terça-feira, a equipe do técnico Wanderley Luxemburgo apresentou graves falhas defensivas e acabou derrotada por 3 a 2 pela LDU, no estádio Casa Blanca, na estreia da fase de grupos da Copa Libertadores.

Em solo equatoriano, o Palmeiras enfrentou imensas dificuldades. Primeiro, a altitude de 2.850 metros de Quito. Ainda por cima, a LDU completou a 16ª partida de invencibilidade em sua casa pela Libertadores.

Agora, o Palmeiras volta a jogar pela competição sul-americana no dia 3 de março contra o Colo Colo, do Chile, no Parque Antártica. Um dia depois, a LDU mede forças com outro brasileiro, o Sport Recife, na Ilha do Retiro.

O próximo compromisso palmeirense é no sábado, pelo Paulistão. O líder do Estadual busca a reabilitação como visitante diante da Portuguesa.

O Jogo: Para minimizar os efeitos da altitude, o Palmeiras iniciou a partida em Quito com maior posse de bola. Objetiva, a LDU demorou sete minutos para incomodar, mas criou duas chances de forma consecutiva. Primeiro, Bieler arrematou para grande defesa de Marcos. Em seguida, Campos assustou com uma cabeçada que raspou o poste direito da meta alviverde.

Para se beneficiar da bola mais rápida, a LDU também investia em chutes de longe. Aos 11 minutos, William Araujo mandou um torpedo da intermediária e obrigou outra grande intervenção de Marcos.

A partir dos 15 minutos, o Verdão se organizou em campo e começou a buscar suas rápidas jogadas ofensivas. Na primeira boa oportunidade alviverde, Willians invadiu a área na base da correria e, de perna esquerda, concluiu por cima.

Quando o Palmeiras começava a crescer em campo, a LDU abriu o marcador. Aos 24 minutos, Manso fez o levantamento na área e Calderón, em posição duvidosa, desviou para as redes. O lance gerou muita reclamação dos visitantes, sobretudo do zagueiro Edmilson.

Só que o poder de reação do Palmeiras foi rápido e eficiente. Aos 28 minutos, Diego Souza mandou um torpedo da entrada da área, Cevallos espalmou e Willians, de perna esquerda, fez o primeiro com a camisa alviverde.

Em um jogo extremamente movimentado, uma fatalidade propiciou o segundo da LDU. Aos 34 minutos, Ambrossi lançou na área, Edmilson fez a cobertura de forma correta, mas Marcos errou feio e deixou a bola de presente para Calderón marcar. O camisa 12 se mostrou consciente de seu equívoco e fechou o rosto após a conclusão do lance.

Ousadia: Na volta do intervalo, Luxemburgo mudou o esquema de jogo do Palmeiras, com a entrada de Marquinhos no lugar de Maurício Ramos. O resultado foi rápido. Aos três minutos do segundo tempo, veio a igualdade. Cleiton Xavier cobrou falta da direita e Edmilson, livre na área, cabeceou para as redes.

Com um a menos atrás, o Palmeiras continuou com seus problemas defensivos. Em uma falta cometida por Edmilson na entrada da área, o habilidoso Manso caprichou na cobrança e achou o ângulo esquerdo de Marcos: 3 a 2.

Sem a mesma força ofensiva dos minutos iniciais da etapa complementar, Luxemburgo apostou em novas alterações: entraram Lenny e Evandro. No entanto, a LDU se fechou na defesa e assegurou a vitória em casa.



Busca de notícias      








Todos direitos reservados 2019 - Desenvolvido pela Williarts Internet